Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020
Telefone: (54) 3383.3400
Whatsapp: (54) 99988.1290
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
16°
12°
12°C
Espumoso/RS
Tempo nublado
Ao Vivo:
Eventos

Juros menores no Plano Safra e derrubada do veto ao auxílio de R$ 600,00 preocupam agricultura familiar

Juros menores no Plano Safra e derrubada do veto ao auxílio de R$ 600,00 preocupam agricultura familiar
04.06.2020 10h27  /  Postado por: Luzia Camargo

A necessidade de redução dos juros do crédito para a agricultura familiar foi um dos principais pontos levantados na reunião da Frente Parlamentar da Agricultura Familiar (FPAF), realizada de forma online na manhã desta terça-feira (2), com a presença de deputados, da Contag, das Federações dos Trabalhadores na Agricultura (Fetags) de diversos Estados, do Ministério da Agricultura, além de Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. Na pauta, o Plano Safra 2020-2021, que deverá ser lançado pelo governo no dia 15 de junho, e as prioridades do Congresso Nacional para o setor nesse momento de pandemia da Covid 19.

Presidente da Frente, Heitor Schuch (PSB/RS), destacou que a grande preocupação é qual serão os juros e o limite de crédito sabendo-se  que o custo de produção aumentou muito com o dólar valorizado. Para ele, o governo precisa elaborar um Plano Safra diferenciado para um ano diferente, e contemplar a agricultura familiar no que é essencial, pois há  o risco de no ano que vem não encontrar alguns produtos nos supermercados.

A  expectativa é de que o montante para programas como PAA chegue a R$ 1 bilhão no próximo Plano Safra. Recentemente, o governo destinou uma suplementação de R$ 500 milhões para compra direta da agricultura familiar como forma de garantir uma fonte de renda para os produtores durante a pandemia, no entanto Estados e municípios estão com dificuldades de operacionalização em algumas modalidades.

O deputado falou acerca da situação do produtor de leite.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.