Domingo, 25 de Setembro de 2022
Telefone: (54) 3383.3400
Whatsapp: (54) 99988.1290
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
19°
9°C
Espumoso/RS
Tempo nublado
No ar: Música, Informação e Esporte
Ao Vivo: Música, Informação e Esporte
Notícias

RS terá quatro novos voos do interior para São Paulo em 2022

Pelotas, Uruguaiana, Santo Ângelo e Santa Maria terão rotas para aeroporto de Guarulhos, em São Paulo
RS terá quatro novos voos do interior para São Paulo em 2022
18.11.2021 06h32  /  Postado por: Roger Nicolini

A partir de 2022, o Rio Grande do Sul terá novos voos ligando o interior do Estado ao aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo. As novas linhas foram anunciadas na manhã desta quarta-feira (17/11) pelo governador Eduardo Leite e pelo CEO da Gol Linhas Aéreas, Paulo Kakinoff. O anúncio ocorre na esteira do aperfeiçoamento do Programa Estadual de Desenvolvimento da Aviação Regional, concluído em 2019

As cidades contempladas serão Pelotas, Uruguaiana, Santo Ângelo e Santa Maria. No total, a Gol terá voos diretos para sete destinos no RS, incluindo Porto Alegre, Caxias do Sul e Passo Fundo. Com isso, o Rio Grande do Sul se torna o Estado com maior número de voos partindo de fora da capital diretamente para o aeroporto de Guarulhos.

“Essas novas rotas vão conectar todas as regiões do Estado ao principal hub da América do Sul, que é o aeroporto de Guarulhos, e de lá para praticamente qualquer lugar do mundo. Com isso, aproximamos pessoas, regiões e negócios, o que tem impacto econômico relevante para a competitividade do Estado. Temos um programa de desenvolvimento da aviação regional, que oferece redução de impostos no combustível da aviação, mas não é só isso que determina esse investimento. Toda a reorganização econômica do Rio Grande do Sul, por meio das reformas que promovemos, alavanca essa disposição para o investimento”, destacou o governador Eduardo Leite.

Kakinoff destacou o trabalho em conjunto da companhia com o Estado para que as novas rotas fossem viabilizadas. “Estamos fazendo um anúncio que representa um marco na aviação do Rio Grande do Sul, resultado de um trabalho baseado em dados, fatos e muita paixão, feito conjuntamente por uma equipe que acreditou desde o início que poderia fazer história. Agora o Rio Grande do Sul se torna o Estado que, com apenas uma parada, vai permitir que a maior quantidade de cidades fora da capital tenha esse acesso ao mundo todo, por meio do aeroporto de Guarulhos, com uma frequência de três a quatro vezes por semana, contemplando todas as necessidades de lazer e trabalho”, disse o CEO da Gol.

O executivo explicou ainda que as rotas vão operar com horários dentro do banco de voos, o que significa que, ao chegarem a Guarulhos, os passageiros podem fazer conexões para outros destinos – no Brasil e exterior – em até uma hora e meia.

As operações em Pelotas serão iniciadas em 17 de janeiro. A rota será operada com avião Boeing 737-700, com capacidade de 138 passageiros. Santo Ângelo receberá voos diretos de Guarulhos operados, também com Boeing 737-700, a partir de 4 de julho de 2022.

De acordo com a Gol, a rota entre Uruguaiana e Guarulhos é fruto de parceria entre a companhia aérea e a Voepass. Com início previsto para 5 de abril do próximo ano, terá três frequências semanais, às terças, quintas e sábados. Os bilhetes serão comercializados exclusivamente pela Gol, e os voos, operados pela companhia parceira com a aeronave ATR-72, com capacidade para 68 passageiros.

Também em parceria entre a Gol e a Voepass, a rota entre Santa Maria e Guarulhos terá operações que se iniciam em 26 de outubro de 2022.

Além do governador e do CEO da Gol, também estiveram presentes o secretário Juvir Costella (Logística e Transportes), o secretário Luiz Henrique Viana (Meio Ambiente e Infraestrutura) e o presidente da Frente Parlamentar da Aviação Regional e líder do governo na Assembleia, deputado Frederico Antunes. Os prefeitos Ronnie Mello (Uruguaiana), Jorge Pozzobom (Santa Maria) e Jacques Barbosa (Santo Ângelo) e o vice-prefeito Idemar Barz (Pelotas).

“O Estado é parceiro das empresas aéreas que buscam ampliar suas ações no Rio Grande do Sul, proporcionando condições para a oferta de mais voos que conectem o interior gaúcho a grandes metrópoles”, disse o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella. “Nosso Plano de Desenvolvimento da Aviação Regional tem concedido incentivos fiscais que vêm ajudando a fortalecer esse importante modal de transporte. No fim, todos saem ganhando, em especial a sociedade, que pode usufruir de viagens mais rápidas e eficientes”, complementou.

Bilhetes para Pelotas estarão disponíveis para compra ainda nesta quarta (17). A venda de passagens para Uruguaiana começa na próxima semana. Para Santo Ângelo e Santa Maria, no primeiro trimestre de 2022. A aquisição pode ser feita no site e pelo aplicativo da companhia, nas lojas Gol nos aeroportos, pelo telefone da Central de Relacionamento (0300 115 2121) e em agências de viagem.

“Os novos voos que vão ligar o interior do Rio Grande do Sul a São Paulo são voos estratégicos para harmonizarmos o crescimento e o desenvolvimento de regiões do Estado que não tinham esse instrumento de conexão com o centro comercial e centro econômico do Brasil. Cumprimentos a Gol, o governo do Estado, e parabéns a Pelotas, Uruguaiana, Santo Ângelo e Santa Maria, e a todas as microrregiões dessas cidades”, disse o deputado estadual Frederico Antunes.

Confira a previsão de datas para que os voos:
Pelotas: 17 de janeiro de 2022
Uruguaiana: 5 de abril de 2022
Santo Ângelo: 4 de julho de 2022
Santa Maria: 26 de outubro de 2022

Histórico

Em abril, a Gol Linhas Aéreas havia manifestado interesse em fazer voos regulares a partir das cidades de Pelotas e Uruguaiana diretamente para São Paulo, no aeroporto de Guarulhos, três vezes por semana. A previsão, na época, era de que esses voos já fossem operados em 2021 e, a partir de 2022, a companhia pretendia incluir Santo Ângelo e Santa Maria, também três vezes por semana e com destino ao aeroporto de Guarulhos.

Programa Estadual de Desenvolvimento da Aviação Regional

O Programa Estadual de Desenvolvimento da Aviação Regional (PDAR) tem o intuito de promover o crescimento econômico, social e turístico do Rio Grande do Sul com a ampliação das rotas de voos regulares e a qualificação dos aeroportos regionais. Criado em outubro de 2015, o PDAR-RS já resultou na criação de seis novas rotas entre Porto Alegre e o interior, nas cidades de Uruguaiana, Santo Ângelo, Passo Fundo, Caxias do Sul, Santa Maria e Pelotas.

Apenas nos aeroportos de Santo Ângelo, Passo Fundo, Caxias do Sul e Vacaria, a Secretaria de Logística e Transportes (Selt) – por meio do Departamento Aeroportuário (DAP) – investiu cerca de R$ 7 milhões durante os primeiros quatro anos do PDAR-RS.

Os recursos foram utilizados na construção de terminais de passageiros, na recuperação de pistas de pouso e decolagens e em diversas melhorias, como reformas de seções contra incêndio, compra de equipamentos e veículos.

Em 2019, o governo publicou o Decreto 54.685, que prevê a redução de base de cálculo na compra de querosene de aviação no RS. A medida possibilitou que a alíquota do combustível caísse a até 2%, dependendo da quantidade de rotas ofertadas, da disponibilidade de assentos e da frequência de voos.

O benefício entrou em vigor em janeiro de 2020. Desde então, representantes de companhias aéreas, como a Gol e a Azul, que já opera com seis ligações regionais no Estado, anunciaram a intenção de ampliar a oferta de voos e de municípios gaúchos atendidos.

FONTE E FOTO: ASCOM GOVERNO RS

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.
Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
CONCORDO