Sábado, 11 de Julho de 2020
Telefone: (54) 3383.3400
Whatsapp: (54) 99988.1290
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
16°
13°
15°C
Espumoso/RS
Tempo limpo
Ao Vivo:
Geral

Estudo aponta diminuição da vacinação e aumento dos casos de suicídio no Estado

02.08.2019 14h26  /  Postado por: adrianolima

Desde 2013, a taxa de vacinação no Rio Grande do Sul apresenta queda constante. No período, o índice de imunização caiu de 100% para perto dos 80% nas principais vacinas ofertadas pelo Sistema Único de Saúde. Os dados foram divulgados pelo Departamento de Economia e Estatística da Secretaria Estadual de Planejamento, Orçamento e Gestão nesta quarta-feira (31). Desde o início da série histórica, em 2000, a taxa de vacinação no Rio Grande do Sul permaneceu próxima aos 100%. A curva decrescente começou a ser desenhada em 2013.

O secretário adjunto de planejamento Gilberto Pompilio de Mello Filho, explicou como esses números serão utilizados.

O estudo, que leva em consideração as metas na área da Saúde para o Estado, aponta que a aplicação das doses contra tuberculose (BCG) e poliomielite, além de difteria, tétano e coqueluche (DTP), reduziu drasticamente nesse período. Já a vacinação contra tríplice viral e hepatite B registrou reação em 2014 e 2016, respectivamente, mas voltou a cair. O secretário citou quais as maiores dificuldades da saúde no estado.

Outro alerta do estudo, que leva em consideração as metas propostas pela Organização das Nações Unidas (ONU), é para o crescimento nos casos de suicídio. Em 2000, a taxa no país era de 4,8 para cada 100 mil habitantes. Em 2016, passou para 6,5. Já o Rio Grande do Sul teve o maior crescimento entre os estados do Sul do Brasil. Em 2017, 1.349 gaúchos se suicidaram, elevando a taxa para 11.65 casos por 100 mil habitantes. No mesmo ano, Santa Catarina registrou 739 mortes e Paraná, 774. Com isso, o Estado superou a média mundial de suicídio, que é de 10,6 casos a cada 100 mil pessoas. Gilberto comentou ainda, referente a redução da vacinação no Rio Grande do Sul e comentou também sobre o aumento dos casos de suicídio.

Ouça a reportagem de Eduardo Leães da Rádio Agert mo player abaixo:

 

Edições: Luana Signor e Roger Nicolini/ Imagem: Saúde.abril

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.